Torta de Uvas

Ingredientes:

Massa

150gr de amêndoas sem pele e sem sal

1 xícara (chá) de açúcar de confeiteiro

1 caixinha de leite condensado light

Recheio

2 colheres (sopa) de amido de milho

1 xícara (chá) de leite desnatado ou vegetal

1 colher (sopa) de licor de amêndoas

1/2 colher (sopa) de gelatina sem sabor em pó

1 cacho pequeno de uva itália

1 cacho pequeno de uva rubi

1 colher (sopa) de açúcar demerara ou de coco

1/2 colher (sopa) de suco de limão

Modo de Preparo:

Massa: no liquidificador, bata as amêndoas até virarem farofa. Misture essa farofa com o açúcar e 3 colheres do leite condensado, até obter uma massa bem homogênea. Embrulhe-a em papel filme plástico e deixe na geladeira por 30 minutos mais ou menos. Forre o fundo e a lateral de uma forma com fundo removível (24,5 cm de diâmetro), pressionando-a com as pontas dos dedos. Reserve.

Recheio: coloque em uma panela, o restante do leite condensado, o amido diluído no leite e o licor, levando em fogo baixo e mexendo até obter um creme grosso. Despeje o creme sobre a massa e reserve. Corte as uvas ao meio, retire as sementes e arrume-as sobre a torta.

Bata no liquidificador, cerca de 20 uvas, coe e misture com o suco de limão e o açúcar. Reserve. Junte 1/2 xícara de água na gelatina e leve ao fogo em banho maria, até dissolver. Misture-a ao suco de uva e espere esfriar até que a gelatina fique parecida com geleia. Coloque sobre a torta e leve para a geladeira por mais ou menos 4 horas.

 

Visão Nutricional

A amêndoa é uma oleaginosa rica em magnésio, vitamina E, cálcio e fibras. A maior parte da sua gordura é monoinsaturada. A vitamina E tem uma poderosa ação antioxidante, faz bem para a pele, além de ajudar no combate ao envelhecimento precoce. Ela ainda controla o colesterol alto, é vasodilatadora, ajuda na recuperação muscular, alcaliniza o sangue, evita o surgimento da osteoporose, além de combater a queda da imunidade, de energia e facilitar a perda de peso.


Tenho 24 anos, sou Nutricionista graduada pela Universidade Anhanguera de São Paulo. Escolhi essa profissão por ela permitir que eu cuide da saúde das pessoas e leve o conhecimento necessário para que elas possam ter uma vida saudável.

Nenhum comentário

Deixar uma resposta

*